Clique aqui e conheça nosso site

Clique aqui e conheça nosso site
Clique aqui e conheça nosso site

quarta-feira, 23 de maio de 2018

AGORA: Caminhoneiros estão parados em Riachão do Jacuípe

 

Em Riachão do Jacuípe a greve dos caminhoneiros continua, desde segunda-feira (21) quando começou a greve em todo o Brasil pedindo a redução do valor do litro do diesel, que os profissionais do volante estão parados em sua grande maioria. Eles contam com o apoio da população jacuipense, moradores estão abastecendo os motoristas com refeiçoes, lanches sucos, cafezinho e outros itens de higiene e alimentação. 




Eles estão permitindo a passagem de ambulâncias, carros de passeio e ônibus, ainda de acordo com moradores não a registro de tumultos ou brigas, pelo contrario, algumas pessoas até vão aos pontos onde eles estão, conversam, perguntam da labuta do dia-a-dia, e ouvem relatos onde os caminhoneiros falam dos seus sofrimentos pelas estradas a fora. 

Um dos pedidos além da baixa nos preços do óleo diesel, os profissionais da estrada pedem também um reajuste de valor no frete, em todo o país, segundo alguns os valores estão muito obsoletos e sem reajustes a muito tempo, alem disso taxas e pedágios pesam no bolso deles.



O governo federal estuda zerar impostos que recaem sobre o combustível para que o valor reduza nas bombas, inclusive ontem o presidente do congresso Rodrigo Maia se reuniu com o presidente Temer para alinharem essa decisão. Para os caminhoneiros isso não será suficiente e eles continuam de braços cruzados. Na manhã de hoje alguns caminhoneiros já fecham a região de Águas Claras na BR-324 em Salvador e também a CIA-Aeroporto.

DA REDAÇÃO POR ALANA ROCHA. FOTOS JOÃO DE BINO. 

Postar um comentário